Artista implanta câmera fotográfica na própria cabeça

Artista implanta câmera fotográfica na própria cabeça

Câmera implantada em crânio de iraquiano tira uma foto por minuto. As imagens fazem parte de obra do artista.

 

Você é uma jovem solteira e está animada porque vai sair com um cara, fotógrafo e artista. Mas, no encontro, você logo percebe uma coisinha estranha. Uma câmera fotográfica pregada na parte de trás da cabeça dele. Oi? O iraquiano Wafaa Bilal, professor de fotografia da Universidade de Nova York, vai passar o ano com uma câmera digital implantada no próprio crânio. Ele passou por uma cirurgia para a colocação da máquina, que fica presa por uma placa de titânio. A câmera tira uma foto por minuto, e envia as imagens para o site wafaabilal.com e para uma exposição do museu de arte moderna do Catar, onde Bilal mantém uma obra chamada O Terceiro Olho. "A obra é uma expressão sobre a evasão do tempo, da memória e da experiência", explica.

Bilal, que é conhecido pelos projetos polêmicos (em 2008, criou um game em que ele era o protagonista, fazia o papel de homem-bomba e perseguia o ex-presidente dos EUA George W. Bush), conta que a operação doeu bastante - "bem mais do que eu imaginava". Ele diz que a câmera ficará ligada o tempo todo, inclusive enquanto estiver no banheiro ou fazendo sexo com a namorada. Mas a universidade quer que ele desligue a câmera durante as aulas, para proteger a privacidade dos alunos. Ah...

 

Fonte:Marcella Chartier