Cientistas ficam virgens por mais tempo

Cientistas ficam virgens por mais tempo

Que surpresa! Os homens da ciência perdem a virgindade mais tarde. A confirmação apareceu em um estudo da Universidade de Sydney, na Austrália, que entrevistou um grupo de estudantes entre 16 e 25 anos e viu que, em geral, os últimos a fazerem sexo eram os rapazes que faziam cursos relacionados à ciência — como engenharia e química, por exemplo.

Qual é o problema dos cientistas? Eles passam tempo demais no laboratório. “A ética de trabalho e a devoção ao laboratório mantém os alunos de ciência afastados de ambientes em que eles poderiam conhecer mulheres”, explica o psicoterapeuta Stephen Carroll, líder da pesquisa, que analisou 185 voluntários. O sexo masculino, aliás, ficou para trás independentemente da carreira escolhida. Em todos os grupos pesquisados, as mulheres começavam a vida sexual mais cedo — especialmente as que estudavam artes.

 

 

Fonte:Thiago Perin