Como os sites de compra coletiva funcionam?

Como os sites de compra coletiva funcionam?

A moda é tão grande que há cerca de 2 mil serviços do tipo no Brasil, com mais de 15 milhões de consumidores. Entenda como eles funcionam e descubra o segredo do sucesso

 

1- Descontos enormes
A loja sugere o tamanho do desconto e calcula valores, tamanho do público que a oferta deve atrair e margem de lucro. Ela não paga para aparecer no site, mas em troca deixa cerca de 40% do valor da venda de cupons com ele. O resto é da loja.

2- Lucro das lojas
A exposição que o site oferece, aliada ao grande desconto oferecido, atrai uma quantidade de consumidores que muitas vezes a loja não conseguiria alcançar. A pizzaria carioca Faenza é uma das recordistas. Ela conseguiu vender 41 mil cupons de rodízio de R$ 24,90 por R$ 9,90, enquanto a média de venda fica entre 500 e 5 mil cupons por oferta. O dono, Henrique Albuquerque, disse que faturamento e movimento cresceram cerca de 50%.

3- Sucesso no Brasil
O número de usuários cresceu 118 vezes em 1 ano, chegando a 14,5 milhões. Para Luiz Góes, da consultoria GS&DM-Gouvêa de Souza, o sucesso é uma junção do gosto brasileiro por promoções com a afinidade com a internet. O país chegou a ter 5 sites de compra coletiva lançados por dia, mas nem todos são bem-sucedidos. Segundo um levantamento do site especializado Bolsa de Ofertas, dos 1890 serviços de compras coletivas analisados, 5% estão inativos e 17% desativados. Somente 61% deles funcionam plenamente.

4- Produtos mais inusitados
Cursos de investimento na bolsa, depilação definitiva, tatuagem, viagens de helicóptero, passeio de caiaque, diária de motel, conversão de VHS para DVD, campeonato de paintball e curso de pompoarismo. Mas o que faz mais sucesso mesmo são restaurantes, pousadas e salões de beleza. Reflexo da maioria feminina do público das compras coletivas.

 

Fonte:Juliana Elias