Mau exemplo da Pré-História

Mau exemplo da Pré-História

Pesquisas mostram que a região oeste da Cidade do México começou a ser devastada pelos astecas há 3 500 anos.

 

A destruição do meio ambiente pelo homem pode ter começado muito antes do que pensa. Pesquisas mostram que a região oeste da cidade do México, outrora coberta de florestas, começou a ser devastada pelos astecas há cerca de 3500 anos por causa das plantações de milho. Sem a proteção das árvores, a erosão do solo foi tão severa em alguns locais que as populações tiveram de abandonar suas casas. O mesmo aconteceu há mais de 6 mil anos no sul de Israel, cujos habitantes cortavam as árvores para se abrigar. Ali, os problemas ambientais foram ainda agravados pelos rebanhos de cabras que comiam mudas de arbustos, impedindo o reflorestamento e expondo o solo á rápida erosão – como por sinal ocorre hoje em muitas partes da África onde se caracteriza o problema da desertificação. A má conduta daqueles antepassados era regra ou exceção? “A destruição não é uma atitude usual do homem pré-histórico ou das comunidades chamadas primitivas”, acredita a arqueóloga Sílvia Maranca, do Museu Paulista. “Ainda hoje o indígena brasileiro usa o solo, espera que ele se recupere e depois volta.”

 

 

Fonte:Super